Beauty lies in lovers’ eyes (ou “Beauty, I <3 you"]

Agosto de 1995. Não faço mais a conta dos anos, esqueci a data certa também. Mas lembro dos óculos de resina preta, pesados, grandes, contrastando com teus olhos e boca miúdos. Uma cara branca, cheia de bochecha, emoldurada pelo cabelo encarnado no corte chanel. Achei o máximo ter na sala um cosplay da Velma [aquela do Scooby-Doo], e o interesse cresceu quando você disse que havia estudado no Lourenço Filho (colégio de gente dos “outros bairros”, já me identifiquei logo) e sonhava ser astronauta. No primeiro dia, a primeira arenga: geniosa, essa aí, pensei. Te saquei de cara.

Foi numa aula da Coema que eu me apaixonei por ti. Tu discutiu alguma nuance de um verso do Chico, uma figura de linguagem qualquer. Chegou uma, chegou a outra, nos chegamos todos e formamos o mais emblemático trio de quatro que o velho pátio da Comunicação já conheceu. Os beijos coletivos, o Pertinho, a Quadra do Céu, o Culto a Baco… tanta história em tão pouco tempo, num foi?

Porque eu fui embora. Na festa de Halloween que me armaram de despedida recebi um cartão com mensagens de todos os colegas, guardado até hoje, e entre tantas palavras lindas e cheias de sentimento, duas linhas tuas, parafraseando Dominguinhos: “Amigos a gente encontra, o mundo não é só aqui”. De fato o mundo não era só ali, e ele me chamava. Fui, vi, venci. Venci porque encontrei novos amigos sem nunca perder os que tinha – meu maior tesouro, não canso de dizer. E venci de novo quando, me sentindo mundo, te chamei. Pra minha imensa alegria, você foi.

Dividimos o teto, as incertezas, a dose de tequila. Fomos vizinhos, partilhamos açúcar e afeto, a dor e a delícia de ser quem éramos. Quantos segredos nos confidenciamos? Quantas vezes nos abrimos um pro outro? De quantas máscaras nos despimos? Tu, certeza, de bem menos do que eu, que tanto me resguardo quase sempre. Mas não contigo. Contigo não preciso nem posso me esconder de mim, porque tu me sabe no íntimo, no ínfimo. Porque somos feitos da mesma matéria – no que ela tem de melhor e pior.

Você é grossa. Assumidamente, convencidamente grossa. E seria muito mais se não fosse o teu personal-RP-Tabajara aqui. É sincera em excesso, objetiva em excesso, teimosa que só. Apaixonada, eu digo. E apaixonante. Uma mulher movida a paixões e que igualmente as move. Pra ti não basta correr: tem que ter cinco pares de tênis diferentes, baixar todos os aplicativos, treinar com um especialista, participar de provas – quer dizer, tirando aquela vez quando tu me convenceu a me inscrever e, na hora H, disse que não ia porque tava de ressaca. Não basta, também, ter um gato de estimação: têm que ser três, quatro, cinco, tem que virar gateira e participar dos grupos de discussão, tem que ignorar minha alergia e me fazer ir cuidar deles quando tu viaja (haja areia, haja bolinha, haja pelo). Pra ti não basta aprender o ponto tricô e o inverso: tem que aprender a tecer o fio, conhecer todas as agulhas e lãs existentes, me fazer o slouch mais incrível, montar um site, largar o jornalismo para virar tricoteira, professora e, agora, artista. Aliás, “agora” não: tu sempre foi artista: no teatro, no coro, na vida. Pelas tuas paixões e pelas tuas artes, eu te admiro muito. E sei que não sou o único.

Hoje digo oi pra ti (inside joke, opa), e te digo feliz aniversário também. Estamos fisicamente mais longe do que nunca, mas, intimamente, talvez mais perto do que sempre. Quem sabe que novas aventuras o destino nos guarda?

Ontem tu me pediu para escrever uma carta de amor. Tá aqui, só que nem é manuscrita nem pra mais ninguém: é pra ti.

Te amo, gata. Te amo que só a piula.

Happy Beauty-Day!

IMG_4774

Anúncios

Diga lá!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s